COMO SABER SE ESTOU ENTRANDO NA MENOPAUSA? APRENDA A RECONHECER ESSA FASE

como saber se estou entrando na menopausa ou climaterio
Como saber se estou entrando na menopausa?

Talvez você escute tanto falar de menopausa que é bem provável estar cheia de dúvidas. E como saber se estou entrando na menopausa é uma das mais frequentes.

É muito importante que todas as mulheres saibam melhor o que é menopausa, e principalmente tenham a noção de que 100% das mulheres vão entrar na menopausa.

São uma série de sintomas e sinais que já podem estar acontecendo, mas você não faz a mínima ideia de que tudo isso pode estar relacionado sim à menopausa.

Então, quanto mais informada a mulher estiver, passará por todo esse período com muito mais tranquilidade. E nem falar aumentará sua qualidade de vida.

O que caracteriza o climatério e a menopausa?

Saiba que todas as mulheres passam pelo climatério, chegam na menopausa e vão entrar em um período chamado de pós-menopausa.

A menopausa caracteriza-se quando há a ausência da menstruação durante doze meses consecutivos, desde que a mulher não faça uso de anticoncepcional.

Já o climatério, conceitualmente, foi estabelecido que dura de 10 a 15 anos. Na verdade, esse período engloba a pré-menopausa, a menopausa e a pós-menopausa.

Ou seja, a fase que antecede a menopausa, a menopausa em si e a fase que a sucede.

A questão é que a maioria das mulheres só falam de menopausa, mas o climatério também precisa ser valorizado.

Isso se deve ao fato é porque já nessa época, a mulher passa a ter uma série de sintomas e sinais que, muitas vezes nem se dar conta que é a menopausa que está se anunciando.

Mas como saber se eu estou entrando na menopausa?

Em primeiro lugar, vale a pena compreender o que faz para que nós, mulheres, entremos na menopausa.

Envie-me AQUI uma mensagem por Whatsapp

Por que toda mulher entra na menopausa?

Então, nós, mulheres, nascemos com uma quantidade limitada de células dos nossos ovários. Diferentemente dos homens que produzem espermatozoides até os últimos dias de suas vidas, as mulheres possuem uma conta finita.

Começamos a gastar essas células a partir dos 10, 12 anos, na época da primeira menstruação, que é chamada de menarca.

Só que vamos consumindo todas elas com o passar do tempo. A questão é que essa conta se esgota quando entramos na menopausa.

Em média, gastamos essas células por cerca de 40 anos da nossa vida.

Acontece que na pós-menopausa, o corpo de toda mulher começa a sentir a deficiência desse hormônio, apresentando uma série de sinais e sintomas.

O hormônio age em várias outras funções do nosso corpo, logo, quando não tem mais o hormônio, há um impacto nos órgãos do seu corpo. Inclusive podendo gerar sérios riscos à saúde.

Por isso que toda mulher precisa se preparar para a menopausa.

FIQUE ATUALIZADA!

Cadastre o seu email abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!

O que é menopausa precoce?

Cerca de 1% das mulheres entram na menopausa antes dos 40, que é chamado de menopausa precoce.

É denominada precoce porque acontece bem antes, mais ou menos 10 anos antes.

Se aconteceu com você ou acontecer, é muito mais preocupante, pois traz toda essa deficiência hormonal para o seu corpo muito cedo.

A questão é que toda mulher precisa desse hormônio para várias funções do corpo.

Para se ter uma ideia, a menopausa sem tratamento aumenta mais nosso risco para doenças do coração e dos vasos sanguíneos, por exemplo, o infarto agudo do miocárdio e derrame.

Além da perda óssea, que é a osteopenia, podendo também evoluir para uma osteoporose. Nosso osso fica fraco, aumentando o risco de fratura.

Pense em como pode estar sua saúde daqui há uns 10 ou 15 anos, caso não faça o tratamento adequado.

E na menopausa precoce, esses sintomas ficam bem piores.

Imagine se tudo isso acontecer 10 anos antes? Onde a mulher está no auge, pensando ainda em constituir família e ter filhos. De repente, com 35 anos, já se pode estar com aquela reserva esgotada.

Vale lembrar que um fator muito importante relacionado à menopausa precoce é o cigarro. Isso acontece porque o cigarro faz com que o consumo das células se dê mais precocemente.

Existem também outros fatores, como as doenças autoimunes, mas é mais raro.

Mesmo que a menopausa precoce aconteça em  somente 1% das mulheres, é preciso ficar bem atenta.

Envie-me AQUI uma mensagem por Whatsapp

Com quantos anos a mulher entra na menopausa e climatério?

Em média, para a maioria das mulheres, a faixa etária da menopausa e climatério acontece dos 45 aos 55 anos de idade. Pode ser até aos 42, mas a média é essa.

Agora, foi estabelecido que essa parada da menstruação ocorre aos 50, 51 anos.

Toda mulher que está próxima dos 40 ou mais, já é preciso prestar atenção. Alguns sintomas já podem estar aparecendo, sendo bastante provável que nem se dê conta que é menopausa e climatério.

 

Com que idade começam os sintomas do climatério?

Então, a partir dos 40 anos, já pode haver a manifestação de alguns sinais e sintomas.

Muitos sintomas não estão descritos nos livros, porque a menopausa é algo relativamente novo no universo feminino. Talvez até se pergunte: Mas como a menopausa pode ser algo novo?

Isso pode ser explicado porque até 1990, pouquíssimas mulheres chegavam aos 50 anos. Havia uma expectativa de vida muito baixa, logo, não existem tantos relatos.

Hoje, a maior parte das mulheres chega aos 80. Pense que nós ainda temos, pelo menos, um terço de nossa vida na fase da menopausa.

A medicina ainda precisa evoluir muito, muitas pesquisas precisam ser feitas para saber exatamente o que acontece no nosso corpo devido à deficiência desse hormônio, o que não acontece com os homens.

A fisiologia da mulher é totalmente diferente da fisiologia do homem.

Você sabia que existem cerca de 76 sintomas relacionados à menopausa e climatério?

Não precisa ficar assustada porque nenhuma mulher vai ter todos os 76 sintomas.  Isso vai variar muito de mulher para mulher. Algumas podem ter sintomas mais acentuados, mas outras não.

Seria muito interessante que toda mulher tivesse conhecimento de todos eles.

Assim, seria mais fácil identificar se os sintomas que estão se manifestando estão ou não relacionados à menopausa.

Se você quer encontrar uma resposta para o questionamento “como saber se estou entrando na menopausa”, vale muito a pena dar uma olhada no artigo sobre os 76 sintomas da menopausa.

Lá, encontrará uma lista de todos os sintomas da menopausa, explicados um a um. E quem sabe não é um deles que lhe está afetando?

Envie-me AQUI uma mensagem por Whatsapp

Como saber se estou entrando na menopausa?

Se você está tendo mudança de humor, com pouca energia, não consegue dormir bem, a menstruação está irregular, ressecamento vaginal, é um sinal da menopausa.

Todo esse período de flutuação pré-menopausa que é o climatério. Por isso que é tão importante ficar alerta aos sinais e sintomas.

O ideal é procurar o médico que esteja comprometido com a sua saúde. Ele vai fazer uma avaliação clínica, vai considerar a faixa etária, avaliar as suas queixas ou pedir para fazer uma dosagem de FSH, que é o hormônio chamado de folículo estimulante.

Quando nosso ovário está funcionando, a taxa do FSH é baixa. Mas, se tiver aumentada, o profissional vai solicitar para repetir o exame, a fim de verificar se continua aumentado.

Se o resultado comprovar que está alto, isso significa que a reserva ovariana está ficando baixa.

Saiba que é por isso que a mulher começa a apresentar uma série de sintomas, só que ainda não faz ideia o que está causando tudo isso.

Converse com seu médico ginecologista. Ele é o profissional indicado para lhe ajudar a superar todos esses sintomas da melhor forma.

FIQUE ATUALIZADA!

Cadastre o seu email abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!

Conclusão

O que é importante ter em mente é que a menopausa e climatério vai acontecer na vida de todas as mulheres, ocasionando uma série de sinais e sintomas.

E como saber se estou entrando na menopausa?

Caso você esteja perto dos 40 anos, apresentando algumas manifestações que não está acostumada, é preciso acionar o sinal de alerta.

Muitas mulheres, até por falta de conhecimento, não relacionam o que possam estar sentindo à menopausa e climatério.

O grande problema é que o declínio hormonal afeta várias partes do seu corpo, podendo inclusive desencadear várias doenças.

Então, quanto antes a mulher tiver consciência e reconhecer esse período, poderá evitar riscos sérios à sua saúde.

Converse com o médico que lhe acompanha e, com certeza juntos, vão encontrar a melhor forma de minimizar todos esses sintomas, sem trazer maiores danos à saúde.

4.53/5 (15)

Avalie isso

Comenta AQUI