A MENOPAUSA É UMA MALDIÇÃO?

Você é daquelas que acreditam que a menopausa é uma maldição?

Costuma culpar a menopausa por tudo de ruim que acontece na sua vida?

Então venha comigo em mais um conteúdo da série ABC da Menopausa e descubra o que realmente acontece nessa fase!

Além disso, compartilhe esse conteúdo e ajude mais mulheres a mudarem de vida!

A MENOPAUSA É UMA MALDIÇĂO?

O que é menopausa?

Primeiramente, precisamos deixar alguns conceitos bem claros.

Na teoria, ou seja, para a medicina, os livros e os artigos científicos, a menopausa nada mais é do que uma data.

Logo, a menopausa corresponde a data da última menstruação, desde que a mulher tenha ficado 12 meses consecutivos sem menstruar e não utiliza medicação anticoncepcional.

Sendo assim, a menopausa ocorre, em média, por volta dos 50-51 anos.

Porém, dentro da normalidade, pode ocorrer dos 45 aos 55 anos.

Além disso, a menopausa está dentro do que chamamos de climatério.

Como assim?

É a mesma coisa que climatério? 

O climatério é constituído pela pré-menopausa, pela menopausa propriamente dita, isto é, a data, e pela pós-menopausa. Por isso, a menopausa faz parte do climatério.

Com isso, sabe-se que o processo do climatério tem seu início de 5 a 7 anos antes da interrupção definitiva da menstruação, ou seja, da menopausa.

Além disso, de acordo com a literatura, o climatério dura de 10 a 15 anos.

Desta forma, todo esse processo ocorre para 100% das mulheres. Quando precoce (1% dos casos), acontece antes dos 40 anos. Quando tardia, ocorre após os 55 anos.

Agora que você já entendeu a teoria, vamos para a parte prática!

De acordo com todo o meu estudo, experiência e vivência, fica muito claro que a menopausa não é apenas uma data, como diz a literatura.

Na realidade, a menopausa representa muito mais!

Ela é um marco entre uma vida antes e uma depois.

Se você está passando por isso, sabe do que estou falando…

Entretanto, se tratados de forma correta, o climatério, assim como a menopausa, passam sem deixar sequelas.

Mas, se não tratados, a mulher, infelizmente, se adapta e se conforma em viver uma vida cada vez pior!

Logo, os sintomas aumentam e se somam, como uma bola de neve que cresce com o passar dos anos.

Por que acontecem a menopausa e o climatério?

Saiba que tudo isso é inevitável!

Portanto, o climatério e a menopausa ocorrem por causa da falência natural de nossos ovários.

Mesmo antes de nascer, isto é, enquanto estamos no útero da nossa mãe e com 20 semanas de gestação, nós temos cerca de 7 milhões de folículos. Estes folículos são as células que nos darão capacidade de reprodução no futuro.

Porém, até o nascimento, não se sabe o motivo, perdemos a maior parte dessas células e nascemos com apenas 2 milhões de folículos.

Ao longo da vida, essa perda continua e chegamos na puberdade com 300 a 500 mil folículos em nossos ovários.

Assim, com a menstruação, consumimos cerca de 1000 folículos por mês.

Desta forma, nosso estoque de células dura cerca de 40 anos e, a partir daí, começamos a sofrer com a falência ovariana.

Além disso, algumas peculiaridades como o tabagismo e doenças autoimunes podem acelerar esse consumo e, assim, antecipar o climatério e a menopausa.

FIQUE ATUALIZADA!

Cadastre o seu email abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!

Fique tranquila, seu e-mail está completamente SEGURO conosco!

Qual o problema da menopausa?

Os problemas decorrentes da menopausa surgiram com o aumento da expectativa de vida!

Durante muito tempo, as mulheres morriam muito mais cedo do que hoje e nem chegavam na idade da menopausa!

Atualmente, porém, existe essa relação entre a aposentadoria (falência) dos ovários, a longevidade e o quanto tudo isso afeta na qualidade de vida da mulher.

Vivemos cada vez mais, entretanto, sofremos com a falência dos ovários e com o declínio hormonal, o que pode gerar até 76 sintomas sintomas diversos que impactam negativamente a vida como um todo!

Mas por que todo esse impacto?

Porque os hormônios, que antes eram produzidos pelos ovários, não afetam apenas a capacidade de reprodução! Ou seja, eles afetam vários órgãos, prejudicando o funcionamento de todo o corpo!

Problemas decorrentes do climatério e da menopausa

  • Desequilíbrio da temperatura corporal: o calorão é um dos sintomas mais comuns, mas pode gerar a longo prazo, problemas muito mais graves como a demência;
  • Alterações no Sistema Nervoso Central: causa alteração do humor, ansiedade, irritabilidade, depressão, perdas de memória, falta de foco e dificuldade de concentração;
  • Mudanças no Sistema Cardiovascular: ocorre aumento da pressão arterial, além de maior risco (cerca de 30% maior) para arteriosclerose, infarto e AVC;
  • Perdas no Sistema Ósseo: osteopenia, osteoporose e maior incidência de fraturas;
  • Pioras no Sistema Muscular: sarcopenia e menor taxa metabólica ocasionada pela perda de massa muscular;
  • Alterações no metabolismo: síndrome metabólica, resistência à insulina, colesterol alto; triglicerídeos altos, pré-diabetes e diabetes;
  • Outras mudanças metabólicas como: aumento de peso, aumento de gordura no tronco e na barriga, mudança da forma corporal (perde o formato “pera” e passa para o formato “maçã”;
  • Mudanças no Sistema Genital: atrofia vaginal, secura, dor na relação sexual, corrimentos;
  • Problemas no Sistema Urinário: cistite de repetição, incontinência urinária;
  • Alterações na sexualidade: dor na relação, secura vaginal, falta de orgasmo, falta de excitação;
  • Qualidade dos cabelos: secos, finos, quebradiços, queda e perda de brilho;
  • Saúde da pele: perda progressiva de colágeno, pele seca, fina e sem brilho;
  • Outros problemas: olho seco, boca seca, tontura e até incontinência fecal.

Como vimos, os problemas são muitos!

Mas e aí?

O que fazer com tudo isso?

Será que a menopausa é uma maldição?

Tudo depende de como você vê as coisas e encara a vida!

Primeiro, se você realmente acredita que a menopausa é algo do mal, que só destrói a sua vida, fica difícil ser feliz!

Não é?

Não faz muito sentido achar que todas as mulheres estão destinadas a uma vida ruim da menopausa até a morte…

Mas, se você entendeu tudo até aqui, já deve ter percebido que a menopausa precisa ser entendida e dominada. Porém, apesar dos sintomas negativos, a menopausa nos mostra que nós ganhamos a oportunidade de viver cada vez mais! 

Basta usar a ciência, a medicina e a inteligência para usar esse bônus de vida com qualidade e alegria!

Precisamos aproveitar!

Imagine que houve uma época em que as mulheres morriam por volta dos 30 anos! 

Isso mesmo!

Veja quantos anos a mais as mulheres ganharam para aprender, trabalhar, cuidar dos filhos, curtir os netos, dedicarem-se a si mesmas e a quem mais amam!

Na verdade, a menopausa nos mostra que temos mais tempo para fazer o que mais amamos!

Cabe a você fazer bom proveito!

MALDIÇÃO DA MENOPAUSA? SERÁ?

Domine a sua menopausa!

Como já vimos, não dá pra fugir da menopausa…

Por isso, ficar reclamando não melhora nada e, inclusive, só piora a sua vida e a de todos que convivem com você! 

Encarar a menopausa como uma maldição é deixar o seu cérebro entender que ela é algo ruim que fizeram para você.

Por isso, você automaticamente espera que alguém resolva por você…ou seja, você se isenta da responsabilidade, se faz de vítima e culpa o governo, o marido, o médico e todo o universo.

Qual o problema dessa atitude?

O grande problema é que você sofre e não resolve. 

Logo, passa para o Ciclo da Ruína e para a Menopausa Perpétua. 

Por fim, você se acomoda com tudo de ruim, acredita que está destinada a sofrer e perde a qualidade de vida cada vez mais!

Mas não precisa ser assim!

Existe muito que você pode e deve fazer para combater os sintomas da menopausa e recuperar a energia e a vontade de viver!

Não faz sentido poder viver mais anos se for para viver mal, sofrendo!

Então, faça alguma coisa já!

Eu tenho uma infinidade de conteúdos no Blog, YouTube, Instagram, Facebook e Telegram que te ensinam tudo sobre a menopausa e te dão o passo a passo de como mudar de vida a partir de agora!

Tudo depende de você!

Que tal parar de sofrer a toa e lutar para ser feliz?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *