ATÉ QUANDO TRATAR A SUA MENOPAUSA?

Você tem dúvidas sobre até quando a menopausa precisa de tratamento? Me acompanhe que eu vou te explicar.

ATÉ QUANDO TRATAR A SUA MENOPAUSA.
ATÉ QUANDO TRATAR A SUA MENOPAUSA?

Antes de mais nada, vamos retomar alguns conceitos importantes para que tudo seja compreendido corretamente.

O que é menopausa?

A menopausa nada mais é do que uma data. Assim como a menarca é a data da primeira menstruação, a menopausa é a data da última. Porém, isto é válido se você deixou de menstruar por 12 meses consecutivos e não utiliza medicação contraceptiva.

Sendo assim, essa data marca de forma definitiva que os seus ovários se aposentaram e, por isso, você não tem mais capacidade reprodutiva. Além do mais, esse momento chega, inevitavelmente, para todas nós mulheres.

O que é climatério?

O climatério é uma fase, um período, isto é, ele engloba a pré-menopausa, a menopausa e a pós-menopausa. Entretanto, para simplificar a nomenclatura, acabamos chamando tudo de menopausa. Mas, toda a sintomatologia característica que ocorre antes mesmo do fim da menstruação já é o início do climatério.

Desta maneira, de acordo com a literatura médica, o climatério pode durar de 10 a 15 anos. Logo, essa fase se inicia assim que nossos ovários começam a dar os primeiros sinais de falência. Por isso, há quem defenda que esse processo pode ter seu início já aos 35 anos.

Porém, é importante ressaltar que a falência ovariana, depois que ocorre, não tem mais volta. Ou seja, dura para a vida toda. Por isso, na prática, no dia a dia da vida da mulher, o climatério não acaba, como delimita a literatura.

Por que a menopausa rouba a sua identidade feminina?

SAIBA DE QUE FORMA A MENOPAUSA ROUBA A SUA IDENTIDADE FEMININA

Quando crianças, somos todos iguais. Isto é, o perfil hormonal de meninos e meninas são iguais. Com o passar dos anos, as concentrações de determinados hormônios aumentam me cada sexo e começam a surgir as primeiras características sexuais secundárias.

Por isso, na puberdade, desabrochamos para a vida. Com isso, o hormônio feminino transforma a menina em mulher ao proporcionar todas as características femininas como: crescimento das mamas, tom da voz, distribuição de gordura e pelos no corpo.

Uma vez que nossa identidade enquanto mulher depende da ação dos hormônios, com a menopausa e o declínio hormonal acabamos por perder a feminilidade que tínhamos quando mais jovens. Com isso, você pode “murchar” para a vida, já que seu corpo deixa de funcionar com a mesma eficiência de antes.

Como os hormônios trazem a sua identidade de mulher?

Os hormônios femininos afloram na puberdade e duram cerca de 40 anos, começando a reduzir sua concentração no climatério, até que se acabam com a menopausa.

Entretanto, além de dar as características sexuais femininas (voz, comportamento, formas corporais, distribuição de pelos) esses hormônios agem em cerca de outras 400 funções que não são relacionadas à reprodução. Ou seja, a falta deles afeta a vida da mulher como um todo, tanto a vida reprodutiva quanto a vida não reprodutiva, em maior parte.

Por isso, a menopausa é tão complexa! Pois ela afeta muito mais que a capacidade de se reproduzir! Por conta disto, a sua vida pode mudar completamente!

Vida reprodutiva

Do ponto de vista reprodutivo, a mulher tem o papel de manter a perpetuação da espécie. Assim, nosso corpo é programado para gerir, parir, amamentar e se aposentar quando não for mais possível sustentar uma gestação.

Logo, os hormônios femininos apresentam picos mensais que preparam o seu útero para receber o produto da concepção, estimulam a sua ovulação, mantém a sua gestação e preparam as suas mamas para amamentar.

Com a menopausa esse ciclo se encerra já que, em teoria, nesta idade, a sua prole está constituída, no caso da maioria mulheres. Sabemos que cada vez mais muitas mulheres optam por não terem filhos, o que depende do direito de escolha de cada uma.

Portanto, a perda da identidade feminina reprodutiva não traz grande repercussão, já que as mulheres que queriam engravidar já tiveram e criaram seus filhos.

Mas, existe o outro lado da situação…

Você está preparada, ou seja, você sabe que um dia não será capaz de ter filhos!

E o restante da vida?

Vida NÃO reprodutiva

Como eu já te contei, os mesmos hormônios que determinam a nossa capacidade reprodutiva também agem em cerca de 400 outras funções celulares, como nos sistemas:

  • Nervoso central;
  • Cardiovascular;
  • Genital;
  • Urinário;
  • Ósseo;
  • Muscular;
  • Articular;
  • Oftálmico (olhos);
  • Otorrino (ouvidos e boca);
  • Metabólico.

Sendo assim, esses hormônios agem no corpo TODO!!!

E é por isso que a menopausa causa uma reviravolta na vida da maioria das mulheres!

O que acontece com a vida NÃO reprodutiva da mulher?

Retomando, o fim da produção de hormônio feminino afeta a vida reprodutiva e a vida produtiva de toda mulher.

A menopausa traz cerca de 76 possíveis sintomas que afetam o nosso funcionamento como um todo. Além disso, alguns deles podem gerar graves riscos à saúde.

Logo, as queixas mais frequentes e mais graves são:

  • Calor;
  • Insônia;
  • Alteração humor;
  • Irritabilidade;
  • Falta de energia;
  • Perda de libido;
  • Secura vaginal;
  • Dor na relação sexual;
  • Cistites;
  • Acúmulo de peso;
  • Aumento da barriga;
  • Cabelos fracos, caindo;
  • Pele seca, sem vida;
  • Aumento do colesterol;
  • Maior resistência à insulina;
  • Osteopenia;
  • Osteoporose;
  • Maior risco de acidentes cardiovasculares.

Além de tudo isso, ainda abala a autoestima, diminui a produtividade, acarreta em reclusão social e, muitas vezes, culmina com a perda do casamento.

Como você se sente?

Sua menopausa é sintomática? Se sim, é preciso tratar!

Você alguma vez sentiu que perdeu a identidade? Que não é mais a mesma?

Isso ocorre porque você não tem mais o controle da sua temperatura corporal, não dorme direito, fica mal humorada e sem energia, engorda cada vez mais e perde a cintura, fica sem libido e com a vagina seca. Também fica flácida, com o cabelo e a pele ruins e a autoestima em baixa total.

E agora? Como dar a volta por cima e recuperar o que a menopausa roubou de você?

FIQUE ATUALIZADA!

Cadastre o seu email abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!

Fique tranquila, seu e-mail está completamente SEGURO conosco!

O que você pode e deve fazer

ISSO AJUDA VOCÊ A TORNAR A MENOPAUSA A MELHOR FASE DA SUA VIDA

Eu, sua mentora, tenho mais de 6500 horas de prática médica, ajudando mulheres a tratar e viver bem com a menopausa. Por isso, para impactar um número maior de mulheres, desenvolvi 2 métodos PODEROSOS, que aplico e que trazem resultados excelência.

São eles:

  • Menopausa de Sucesso (MDS);
  • Menopausa Sem Medo (MSM).

Ambos os métodos ajudam VOCÊ A RECUPERAR A SUA IDENTIDADE!

Como funciona o método MDS?

O método Menopausa de Sucesso é composto por 7 Módulos.

  • Módulo 1 – aqui meu objetivo é trazer CLAREZA para você, já que entender é a principal parte do processo. Com ele, vou te mostrar que é SIMPLES tornar a menopausa a melhor fase da sua vida!
  • Módulo Dourado   é a CHAVE! Nele, meu intuito é INSPIRAR VOCÊ A NÃO DESISTIR. Sendo assim, vou te ajudar a se manter no trilho e trazer você de volta, quando você estiver cansada e querendo desistir.
  • Módulo Mentalidade De Rainha meu objetivo neste momento é MUDAR A MANEIRA COMO VOCÊ ENXERGA A MENOPAUSA. Quero que você pare de culpar a menopausa e a veja como uma fase positiva. Para isso, vou te ensinar a trabalhar com os fatores sabotadores e impeditivos.
  • Módulo alimentação CERTA – neste módulo meu propósito é fazer com que você saiba: escolher o que comer; alimentos certos; o porquê comer e quando; como lidar com o contágio social alimentar para que você possa emagrecer e ter mais energia.
  • Módulo de exercício – meu objetivo é que você tenha o hábito de se exercitar para potencializar os seus resultados.
  • Penúltimo Módulo – aborda TODAS AS ALTERNATIVAS e meu intuito é que você tenha todas as opções para ajudar a tratar sintomas da menopausa sem hormônios (acupuntura – meditação – suplementos – fitoterapia).
  • Módulo final – abordo tudo sobre o Equilíbrio Hormonal para que você acabe com seus medos. Vou te ensinar sobre a ação dos hormônios, quando usá-los ou não, além dos tipos dos hormônios. Com isso, você aprenderá a escolher e conversar com o seu médico, para que ele se torne seu parceiro, nessa jornada de condução hormonal.

Como funciona o método MSM?

O método Menopausa Sem Medo foi desenvolvido por mim e pelo meu time de médicos e nutricionista. Além disso, é executado presencialmente no Reino da Saúde, em São Paulo.

Logo, nossa proposta é ajudar você a tornar a Menopausa a Melhor Fase da Sua Vida!

Para tanto, existem 3 fases:

#1 Checkpoint

Nesta fase fazemos um mapeamento de você! Isto é, investigamos como você está antes de tomar hormônios, pois isso nos possibilita ter controle durante todo o processo.

Como você já sabe, não existe um tempo limite para usufruir dos benefícios dos hormônios. Portanto, a reposição hormonal pode durar 2, 3, 5 anos ou até a vida toda, desde que os benefícios superem os riscos. 
Sendo assim, precisamos do checkpoint para saber como você estava antes e controlar como estará depois. 

Para tanto, fazemos a avaliação clínica, solicitado exames de sangue e de imagem. A avaliação das suas mamas é realizada por um médico especialista a fim de descartar alterações que sejam contra indicação para a modulação hormonal. Também avaliamos as suas artérias e veias, para descartar placas de gordura e obstruções que possam trazer riscos para o seu tratamento.

#2 Equilíbrio

Essa fase é onde fazemos os ajustes necessários para minimizar os seus sintomas. Sendo assim, a primeira fase e esta segunda duram cerca de 6 meses.

#3 Preservar

Essa fase consiste no acompanhamento a cada 6 meses.

Conclusão

Precisamos acabar com a crença errada de que não é necessário tratar a menopausa. Também precisamos eliminar o mito de que o limite para tratamento é de apenas 5 anos.

Com tudo isso, eu digo que você deve e merece tratar a menopausa para toda a vida! Porém, isso é verdadeiro desde que os benefícios sejam maiores que os prejuízos. Somente assim, você vai recuperar a sua identidade perdida e viver com qualidade.

Além de entender que toda mulher deve tratar a menopausa, é preciso compreender que a reposição hormonal é apenas uma parte do tratamento que precisa ser realizada por um médico.

Porém, existem muitas outras coisas que você pode fazer sozinha e obter bons resultados!

Depois de tudo isso, creio que ficou claro que a menopausa precisa ser tratada para o resto da vida, uma vez que o declínio hormonal não regride.

Como você pode ver, eu venho compartilhando uma grande parte da minha metodologia com você ao longo dos anos. E, se você seguiu meus conselhos, certamente obteve excelentes resultados.

Agora, cabe a você disseminar esse tipo de informação para que mais mulheres tomem consciência e possam mudar de vida!

Seguindo os meus passo a passos, logo a menopausa será a melhor fase da sua vida!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *