O QUE FAZER PARA SE PREVENIR DO CORONAVÍRUS (COVID-19)?

Neste momento delicado, pelo qual estamos todos passando, vou falar um pouco mais sobre como prevenir-se do coronavírus ou COVID-19, de maneira geral. Ou seja, não apenas para aquelas que estão na menopausa.

Portanto, este artigo é útil não só para as mulheres, como também para os homens, independentemente da faixa etária.

Além disso, se você quiser saber ainda mais sobre cuidados específicos para quem está na menopausa, meus outros conteúdos do ABC da Menopausa vão deixar os detalhes muito mais claros.

Agora, se você é uma das minhas Rainhas e já cuida da saúde muito antes dessa pandemia, saiba que a menopausa tratada te deixa menos vulnerável, não só ao coronavírus, mas também à muitas outras doenças. 

O QUE FAZER PARA SE PREVENIR DO CORONAVÍRUS?

A pandemia COVID-19

Qual o cenário atual e por que precisamos ficar em casa? 

Utilizamos o termo pandemia quando uma doença se espalha por diversos países e continentes, ou seja, atinge níveis mundiais, assim como no caso do COVID-19.

Diariamente, os noticiários trazem dados de novos casos confirmados e, infelizmente, mais mortos. Sendo assim, a maioria das ocorrências está no estado de São Paulo, aumentando a cada dia.

O maior problema do coronavírus é a grande velocidade de disseminação. Por isso, é muito importante nos unirmos no combate à doença!

A solidariedade e a parceria de pessoas e empresas é a nossa maior arma para lutar nesse momento!

Portanto, faça a sua parte! Não contribua para o vírus se espalhar e ajude, como puder, quem está ao seu redor.

Mesmo com baixa mortalidade, o COVID-19 consegue atingir um número enorme de pessoas em pouco tempo. Logo, o sistema de saúde não tem capacidade de atender tantas pessoas de uma única vez, gerando um grande caos. Além disso, os equipamentos de proteção e limpeza acabam rapidamente, deixando aqueles que mais precisam ainda mais vulneráveis.

Com tudo isso, o sistema funerário também entra em colapso, já que são muitos corpos para serem enterrados diariamente.

Por isso, fique em casa! 

Saia apenas se precisar e evite locais aglomerados. 

Não faça estoque de máscaras, álcool em gel, papel higiênico, produtos de limpeza, comida ou qualquer coisa que você não precise realmente! 

Senão, quem precisa mesmo, e está em risco, fica sem!

Não saia com a família toda para ir ao supermercado! Siga todas as orientações de higiene recomendadas. 

Não vá ao hospital sem real necessidade! Tenha calma! O pânico só atrapalha!

Mas será que precisa de tanto cuidado?

Sim! Porque a transmissão do COVID-19 é comunitária, ou seja, qualquer um pode transmitir. Além disso, 80% das pessoas que adquirem são assintomáticas.

Isso quer dizer que você pode pegar e nem perceber, tendo sintomas de uma gripe leve…mas pode transmitir para uma pessoa que tenha a imunidade baixa e que vá desenvolver a doença em sua forma grave, podendo morrer!

Logo, proteja-se! Não só por você, mas também pelo outro!

O que pode não te fazer mal, pode matar outra pessoa!

Agora é o momento de pensar no bem estar da maioria, mesmo que você não aguente mais ficar em casa!

Fique em casa! 

Menos gente nas ruas e espaços comuns significa menos vírus circulando e se espalhando!

FIQUE ATUALIZADA!

Cadastre o seu email abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!

Fique tranquila, seu e-mail está completamente SEGURO conosco!

Revisando o básico sobre o CORONAVÍRUS ou COVID-19

O coronavírus foi descoberto pela primeira vez em 1937 e é um vírus que causa infecção respiratória. A maioria das pessoas será infectada por ele no decorrer da vida, sem desenvolver problemas graves.

Após a contaminação, o período de incubação vai de 2 a 14 dias, isto é, dentro dessa faixa aparecem os primeiros sintomas. Sendo assim, o sintoma mais grave é a falta de ar ou dispnéia. Os demais sintomas são os mesmos de qualquer outra gripe: febre, tosse seca, congestão nasal, coriza e dificuldade para engolir. Por isso, se você não está com falta de ar, não vá ao hospital!

Além disso, enquanto persistirem os sintomas, a pessoa contaminada pode transmitir o vírus para outras.

Formas de transmissão

O vírus pode ser transmitido das seguintes maneiras:

  • De pessoa a pessoa através de gotículas de saliva, tosse e espirro. Por isso, a importância de manter a distância de segurança de, no mínimo, 1m.
  • Superfícies contaminadas, como nossas mãos, bancadas, corrimão. Ou seja, qualquer local pode ser contaminado. Logo, limpar superfícies de uso comum com álcool em gel é essencial, como carrinhos de supermercado, maquininhas de cartão e etc.

Assim, o vírus pode entrar pelos olhos, nariz e pela boca. 

Formas de prevenção

E primeiro lugar, para prevenir a disseminação do vírus, é essencial reduzir a exposição. Além disso, é importante:

  • Respeitar a distância mínima de 1m entre as pessoas por onde você passar. 
  • Lavar as mãos frequentemente com água e sabão durante 20s.
  • Limpar com álcool em gel superfícies expostas.

Por fim, faz parte da prevenção tomar medidas para aumentar a sua imunidade. Com isso, seu corpo será capaz de combater o COVID-19.

O que fazer se você ficar doente e SEM falta de ar?

Se for leve e você não tiver falta de ar, o tratamento é similar ao de qualquer outra gripe. Logo:

  • Fique em casa e descanse;
  • Coma saudável;
  • Tome bastante água;
  • Não treine;
  • Se tiver febre e dor, é preciso tomar analgésico.
  • NÃO TOME ibuprofeno!

Grupos de risco para COVID-19

  • Idosos;
  • Imunodeprimidos;
  • Diabéticos;
  • Hipertensos que usam inibidores EICA (enalapril e captopril).

Ações para minimizar o COVID-19 e outras infecções

  • Seguir as recomendações: lavar as mãos com água e sabão, limpar as superfícies com álcool em gel e usar a máscara, corretamente, quando necessário. Além disso, um cuidado a mais é limpar suas vias respiratórias superiores! (eu explico como fazer isso no vídeo no início do artigo);
  • Alimentação saudável: comer o que chamamos de “comida de verdade” é essencial para ter um sistema imune forte;
  • Gerenciar o estresses: tenha calma, faça uma tarefa por vez, desacelere, pratique meditação e Yoga para ajudar nesse processo;
  • Higiene do sono: crie bons hábitos que vão te preparar para ter uma noite de sono melhor;
  • Não guardar mágoas e infelicidades: isso deprime o sistema imunológico.
  • Suplementos/Fitoterápicos: são capazes de aumentar a imunidade. Veja os principais logo abaixo:
    • Melatonina
    • Vitamina D
    • Betaglucana
    • Equinácea purpúrea
    • Epicor
    • Wellmune
    • Zinco
    • Vitamina C

Além disso, leia o meu artigo OS CUIDADOS NA MENOPAUSA FRENTE AO CORONAVÍRUS para saber mais sobre o que fazer se você está na menopausa, faz tratamento ou não.

O QUE FAZER PARA SE PREVENIR DO CORONAVÍRUS (COVID-19)?

Ações que TODOS devem adotar para combater o COVID-19

  1. Estar engajado, pensar que somos um time e precisamos trabalhar juntos para conter essa doença;
  2. Ter auto responsabilidade, ou seja, cada um deve fazer a sua a sua parte;
  3. Ter bom senso e não entrar em pânico;
  4. Não ser egoísta e pensar em quem precisa de auxílio.

Com tudo isso, vemos que a única saída é reduzir a contaminação, nos proteger e cuidar de todos que estão ao nosso redor. Logo, pensar que estamos todos conectados, precisamos uns dos outros e adotar um estilo de vida saudável é fundamental para vencermos esse inimigo invisível e muitas outras doenças.

Compartilhe esse artigo para que todos saibam que tudo o que fazemos e consumimos influência na nossa imunidade e afeta a nossa capacidade de superar doenças!

Devemos aproveitar esse momento de distanciamento social para refletir sobre a vida e criar novos e bons hábitos!

1 comentário


  1. Excelente essa live, vc a minha Dra. tomo algumas dessas vitaminas e faço reposição hormonal.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *